Pesquisar

Pesquisa personalizada

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Herman Hesse Siddhartha


Este desejo, este desejo infantil, tinha crescido assim forte dentro dele: encontrar a paz destruindo seu corpo

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Alterações Comportamentais

alterações comportamentais
  • Alguns comportamentos se tornam ritualistas, por exemplo, sempre ocupando o mesmo lugar na mesa, os pratos, os copos e talheres devem estar arrumados de uma maneira simétrica.
  • Aumento da atividade física. Os exercícios exagerados são realizados com a finalidade  de perder peso, desejam ir caminhando para todos os lugares. Evitam os elevadores e usam as escadas, passam horas na academia, correm etc.
  • Aumento de interesse pela imagem e seu peso. Se queixam com freqüência sobre o seu peso: “estou gorda”. E aparência física.
  • Aumento no controle do peso, se pesam constantemente, inclusive varias vezes ao dia.
  • Com o tempo passam a eliminar da sua dieta um numero cada vez maior de alimentos, até chegar a se alimentar única e exclusivamente de verduras ou frutas em cada vez em menores quantidades. Podem consumir somente alimentos light. E inclusive a viver somente de líquidos.
  • Comparam-se constantemente com modelos ou outras figuras de admiração
  • Desculpas para não comer em casa  
  • Desejo claro de perder peso independente da idade, altura e peso.
  • Evitam alimentos como doces, pães, batatas, arroz, frituras, etc.
  • Fracionam a comida, deixando restos no prato.Também "brincam" com a comida antes de comer
  • Freqüentemente se vestem com roupas largas e sobrepostas, cuja função a principio é dissimular os supostos defeitos físicos (quadris largos, abdômen, etc.).Posteriormente sua função passa a ser a dissimulação da magreza extrema. Tem dificuldade em se vestir e escolher roupas, sempre buscando esconder o seu corpo cada vez mais magro, sob camadas de roupas, ex: calças de moletom, embaixo das calças jeans .
  • Insônia  
  • Isolamento social e familiar
  • Mentem sobre ter ou não comido, podem “esconder” a comida e depois jogá-la fora.
  • Momentos de muita tristeza, sentimentos de culpa e baixa auto-estima
  • Mudanças bruscas de humor (irritabilidade, agressividade, impulsividade).
  • Obsessão pela comida e ligação com  a cozinha, constantemente falam sobre dietas e sobre a quantidade de calorias dos alimentos. Muitas vezes gostam de cozinhar para a família, colecionam receitas e gostam de controlar a comida que existe em casa, fazendo listas de compras, ou, comprando os alimentos. Podem preparar pratos saborosos e elaborados para a família. Porem, elas mesmas nunca os comerão.
  • Preferem alimentar-se sozinhas
  • Preocupação exagerada com o conteúdo calórico dos alimentos e por dietas. 
  • Podem começar a apresentar problemas de relacionamento com outros membros da família, principalmente com a figura materna , pois é ligada à alimentação.
  • Podem apresentar uma obsessão com os estudos, dedicando-se várias e várias horas
  • Podem “vigiar” a preparação dos alimentos
  • Podem vomitar após se alimentarem.
  •  Sofrem de sentimentos de culpa após terem comido
  • Se recusam a comer em quantidades normais apesar dos riscos, recomendações, ordens e/ou ameaças familiares e inclusive médicas.
  • Uso de laxantes, diuréticos, qualquer erva ou “medicamento” que favoreça ou “prometa” o emagrecimento.


sábado, 2 de julho de 2016

Depoimento Bullying

Bullying e AnorexiaO seguinte depoimento foi deixado na postagem Mary-Kate Olsen sofreu de anorexia
"anorexia e causada por bullyng por isso pessoas que doam devem pensar no problema que vai causar. Bruna"

Dentro os vários fatores que podem levar o desenvolvimento da anorexia, o Bullying pode ser um deles sim. Pode ocorrer principalmente no período escolar, por isso os pais devem ficar de olho nos seus filhos quando deixam de levar uma vida normal, com irritabilidade, baixo desempenho escolar, dificuldades de relacionamento com os colegas. 

A sociedade e o bullyng  influenciam fortemente na formação da autoimagem,  o que os pais precisam explicar aos seus  filhos principalmente para as meninas, é que, na adolescência, todos passam pelas transformações fisiológicas e, estas mudanças podem trazer aumento do peso, o que não quer dizer que esteja acima do peso pretendido, porém, é assim que muitos sofrem sendo pressionados por familiares e amigos.