Pesquisar

Pesquisa personalizada

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Depoimento: desânimo mas venci !

Eu tive anorexia no início dos meus 17 anos. . . comecei comendo de tudo, sendo q só as três principais refeições. . . depois comecei a comer comida mais saudável e lanchando uma barra de cereal ou um copo de suco ou alguma fruta! Depois eliminei o lanche e diminuí minhas únicas refeições! todos os dias praticamente eu comia as mesmas coisas. . feijão massa (uma xícara), arroz na água e sal (uma xícara) e alguma coisa grelhada ou desnatada! era o fim, até nas festas eu n sentia nem o cheiro dos doces e salgados q eu tanto amo! e ainda levava meu refrigerante light. deixei aos poucos de beber água com medo que engordasse, então conseqüentemente passei a não gostar de água! fazia todos os dias d domingo a domingo esteira, 35 min no quarto todo trancado. . . com isso sentia dor no peito, fraqueza e tontura! andava me escorando em paredes! quando tomava banho, ficava analisando meu corpo e sempre encontrava uma gordurinha a mais, mesmo estando uma caveira! Quando eu ia ao shopping, andava nas ruas. . . o povo me olhava estranho! Tinha gente q perguntava se eu tinha AIDS ou se usava algum tipo de droga! meus pais começaram a desesperar-se. . . minha mãe mal conseguia trabalhar e chorava todos os dias. . . como ela não sabia lidar com essa situação ela fazia ameaças se eu n comesse e eu fingia que não escutava, pois a doença falava mais alto! minha família fazendo promessas. . . e eu me sentindo a menina mais realizada do mundo e que tava arrasando por aí. . . quando na verdade eu tava assustando a todos! depois de muita insistência, fui ao psicólogo e psiquiatra e comecei a tomar antidepressivo, e mesmo assim o que não engordava! aos poucos fui me enxergando no espelho, e vi que estava muito feia. . . num dia muito feliz para os meus pais e de certa forma pra mim, eu comi a metade de um pacote do biscoito que eu mais gostava (eu sempre fui viciada em biscoito), e foi o começo de uma vitória! aos poucos fui me alimentando cada vez melhor, ficando mais feliz e proporcionando felicidade a quem me ama! no início desse incidente eu pesava 63Kg e cheguei a pesar 40Kg, isso foi +- em um ano! hoje em dia graças a Deus, a minha Psicóloga e aos meus pais, eu sou uma pessoa feliz. . . tenho na faixa de 59Kg. Não vou negar que amo comer e que as vezes eu exagero! mais eu aprendi que não devemos nos maltratar. . . e sim ser feliz do jeito que nos somos! obrigada mãe, pai, minha família e amigos! obrigada Deus!!! Amo vocês. . . estarei sempre grata! beijos =*

Um comentário:

Equipe do Blog disse...

é realmente as pessoas não tem conhecimento da doença... e acabam nos desprezando... fazendo comentários... mas não sabem o q estão falando.... pela doença falar mais lato geralmete não “ligamos”, mas com certeza pelos comentarios pessoas de nossas famílias podem sentir muita dor...
Fique feliz vc foi mais uma vitoriosa.