Pesquisar

Pesquisa personalizada

terça-feira, 10 de março de 2009

Família


Prepare-se para uma luta de anos. A família tenta ajudar mas a paciente não quer ser ajudada.

A necessidade de controlar o peso e alimentação, os cuidados para que ela tome o remédio certo e para que não tome os laxantes são uma batalha diária.

Melhoras iniciais, no começo de cada tratamento não significam nada. O tratamento se arrasta por anos a fio.
As recaídas e a cronificação com baixo peso e isolamento social são mais freqüentes do que a cura completa.
As pacientes mudam de médicos com a esperança de "dar um baile" mais fácil .A família se cansa e procura outras alternativas.

Por mais desgastante que seja o tratamento, existe um fator que a família nunca pode esquecer: o aumento de peso pode curar uma Anorexia mesmo que esse aumento de peso seja forçado. Nesta época de todos serem politicamente corretos e procurarem causas e explicações para tudo, é difícil convencer as pessoas disso, mas os trabalhos científicos comprovam cada vez mais essa antiga constatação

Nenhum comentário: