Pesquisar

Pesquisa personalizada

terça-feira, 24 de março de 2009

Professora morre de anorexia


SÃO PAULO - A professora de inglês Beatriz Cristina Ferraz Lopes, de 23 anos, é mais uma vítima da anorexia no interior paulista. Ela morreu pesando apenas 34 quilos, em Jaú. A professora passou mal em casa, onde teve uma parada cardíaca. Socorrida ao hospital, ela teve mais duas paradas e não resistiu. Familiares e amigos disseram que Beatriz era obcecada por emagrecer.

Na adolescência, ela chegou a pesar 100 quilos. A professora, neste ano, parou de se alimentar, chegou a pesar 27 quilos, e teve que ser internada em uma clínica de Jaú para recuperação. Após três meses de internação, com alimentação a base de soro, ela foi liberada. A família dizia que ela sofria de depressão. Formada em Letras, Beatriz participava de comunidades para emagrecer em um site de relacionamentos na internet. Em novembro, três jovens paulistas morreram em conseqüência da anorexia. O primeiro foi o da modelo Ana Carolina Reston Macan, de 21 anos, que tinha 1,74 metros e pesava apenas 40 quilos. Em Araraquara, a estudante Carla Sobrado Casalle, de 22 anos, faleceu três dias depois que foi internada. Ela tinha 1,74 metros e pesava 55 quilos. Em Araçatuba, a manicure Rosana de Oliveira, de 23 anos, morreu com apenas 38 quilos.

Nenhum comentário: